A Renault Trucks entregou à francesa La Poste um Maxity eléctrico de 4,5 toneladas com uma pilha de combustível de hidrogénio acoplada.

A pilha de hidrogénio permite duplicar, para os 200 quilómetros, a autonomia do camião eléctrico.

Segundo o construtor, este é do primeiro camião a pilha de hidrogénio da Europa, e será agora testado em condições reais na cidade francesa de Dole.

“O hidrogénio apresenta-se, actualmente, como a solução mais eficaz no âmbito da autonomia dos veículos eléctricos”, explica o director técnico da divisão de correio urgente da La Poste, Frédéric Delaval, citado no comunicado divulgado a propósito.

A Renault Trucks adaptou o Maxity eléctrico para receber uma pilha de combustível com o apoio da empresa Symbio FCell.

“Quando o veículo está em movimento, o motor eléctrico é alimentado por duas fontes complementares de energia: a célula de combustível fornece uma potência máxima de 20 kW e, se for necessária mais potência, são as baterias que fornecem o complemento necessário. Quando o camião está parado, a célula de combustível recarrega a bateria, caso seja necessário”, explica, na nota de imprensa, o responsável pelo projecto, Christophe Vacquier.

Os comentários estão encerrados.