A Renfe Mercancías fechou o primeiro semestre com um prejuízo de 20,9 milhões de euros, menos 1,7% do que no mesmo período de 2015.
Renfe Mercadorias

A companhia espanhola está vem reduzindo as perdas já há três anos e meio: fechou 2012 com -78 milhões, 2013 com -77 milhões, 2014 com -57 milhões e 2015 com -38 milhões.

Não obstante este percurso positivo, a “Europa Press” dá nota que a Renfe Mercancías obteve os resultados mais negativos do grupo. A Renfe Viajeros obteve lucros de 15,1 milhões no primeiro semestre, contra um prejuízo de 29,3 milhões na primeira metade de 2015. Já a divisão de manutenção, que facturou 345,5 milhões de euros, fechou o semestre em equilíbrio financeiro.

O tráfego de mercadorias da Renfe ficou pouco acima dos nove milhões de toneladas, menos 14,5% do que no primeiro semestre do ano passado.

Do total transportado, 5,5 milhões de toneladas foram de carga em vagão completo (-13,6%), 2,6 milhões de toneladas de mercadoria intermodal (-8,2%) e 824 mil toneladas em bitola métrica.

 

Os comentários estão encerrados.