A espanhola Renfe lançou um concurso público para a manutenção de 238 comboios que a companhia utiliza nos serviços de transporte de passageiros de médio curso e Cercanías.
Renfe Cercanias Catalunha

Os dois contratos (divididos em sete lotes) terão a duração de dois anos e um valor total de quase 75 milhões de euros.

Um dos contratos prende-se com 42 comboios a diesel afectos ao serviço de médio curso e tem um valor de 16,28 milhões de euros. O outro, de 58,3 milhões de euros, está relacionado com 196 comboios eléctricos, a maioria dos quais opera no serviço Cercanías da Catalunha.

Ambos os contratos são promovidos pela Renfe Fabricación y Mantenimiento, filial de manutenção da operadora pública do país vizinho. O caderno de encargos prevê que os trabalhos sejam efectuados através das sociedades conjuntas que a Renfe já tem com alguns dos fabricantes de comboios com presença industrial em Espanha.

 

 

Tags:

This article has 1 comment

  1. A liberalização selectiva da oferta que desde à muito Espanha vem pondo em prática contrasta com a abertura desregulada de Portugal ainda que sujeita a sanção de Bruxelas.