A fábrica da Seat em Martorell (Barcelona) é a primeira fábrica espanhola a receber componentes através de drones.

Com os drones, o tempo de abastecimento é reduzido em 80%

Com a ajuda do grupo logístico Sesé, o construtor automóvel conta agora com um serviço de drones que diz ser pioneiro e que conecta o centro logístico da Sesé, em Abrera, à fábrica da Seat, em Martorell.

O primeiro voo ocorreu ontem (dia 10).  Os drones transportam volantes e airbags. Os poucos mais de dois quilómetros que separam as duas instalações são agora percorridos em 15 minutos. Até aqui o transporte era feito por camião, com um tempo de trânsito de hora e meia.

O projecto-piloto é realizado sob supervisão da Agência Estatal de Segurança da Aviação (AESA) espanhola e continuará de forma experimental com várias circulações por dia.

“O fornecimento através de drones revolucionará a logística, já que, por exemplo, no caso da Seat, reduzirá o tempo de entrega [dos componentes] em 80%. Com essa inovação, impulsionamos a indústria 4.0 e seremos mais eficientes, ágeis e competitivos e, também, muito mais sustentáveis”​, segundo Christian Vollmer, vice-presidente de produção e logística da Seat.

O executivo defendeu que o voo “é o primeiro passo para transformar a cadeia de abastecimento na indústria automóvel”.

 

 

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*