No final de 2014, Sines era o 97.º maior porto mundial e o 19.º europeu na movimentação de contentores, de acordo com o ranking da Container Management (CM).

MSC Zoe

O porto português movimentou no ano passado 1 227 694 TEU, o que representou um crescimento de 32% face a 2013. Foi a maior taxa de crescimento na Europa e a segunda maior no mundo (tal como considerado pela CM), só superada pela de Taicang, que avançou 41%para cima dos três milhões de TEU.

O resultado de Sines permitiu-lhe subir 18 posições no “top” mundial e duas no escalonamento europeu, além de entrar no clube do milhão de TEU. “Uma ascensão meteórica, sem dúvida”, classifica a CM.

Para este ano, o presidente da Administração do Porto de Sines já o disse, a expectativa do porto e do Terminal XXI é de crescer 20% na movimentação de contentores, o que atirará os números finais do exercício para a casa dos 1,5 milhões de TEU.

No primeiro semestre de 2015, Sines movimentou 676 939 TEU, o que representou um avanço homólogo de 13,5% e superou a performance dos seus principais concorrentes ibéricos: Valência cresceu 11,2% e Algeciras até caiu 10,9%. Barcelona, número três na Península, à frente de Sines, subiu 4,8% para os 929 990 TEU.

Curiosamente, num ranking divulgado há poucos dias pela Puertos del Estado, o porto português não figurava nos 100 maiores portos de contentores do mundo.

 

Os comentários estão encerrados.