O Porto de Sines (APS) e a Zona Económica do Canal do Suez vão cooperar para o desenvolvimento dos respectivos negócios, no âmbito dos tráfegos Este-Oeste.

Porto de Sines vai cooperar com ZE Canal do Suez

O presidente da Administração dos Portos de Sines e do Algarve, José Luís Cacho, e o chairman da Zona Económica do Canal do Suez assinaram, ontem, um Memorando de Entendimento (MoU) que, no caso de Sines, visa potenciar a sua posição como hub da costa atlântica. A assinatura foi apadrinhada pela ministra do Mar, Ana Paula Vitorino.

A Zona Económica do Canal do Suez compreende seis portos e quatro áreas industriais, estendendo-se por 461 km2 ao longo das margens do Canal do Suez, numa posição estratégica na principal rota comercial entre a Europa e a Ásia, potenciada agora pelo desenvolvimento da estratégia chinesa Belt and Road.

No MoU agora assinado, “as duas entidades reconhecem o interesse mútuo em estabelecer uma relação de parceria e cooperação para o desenvolvimento económico mútuo, tanto no aumento de oportunidades de negócios e volumes para o Porto de Sines, assim como no aumento do tráfego através do Canal de Suez”, avança a nota de imprensa divulgada a propósito.

Antes da assinatura do MoU, que ocorreu no Ministério do Mar, a comitiva da Zona Económica do Cana do Suez visitou o porto de Sines, tomando assim contacto directo com a sua realidade e potencialidades.

 

Os comentários estão encerrados.