A SM Line irá alinhar cinco navios que pertenciam à frota da falida Hanjin Shipping no serviço Ásia-EUA, com arranque previsto para 21 de Abril.

hanjin

Antes, já a 8 de Março, a nova companhia de transporte marítimo de contentores criada pelo grupo sul-coreano Samra Midas, que também detém a Korea Line, lançará um primeiro serviço intra-Ásia. O serviço terá partida de Busan (Coreia do Sul) e ligará a China, Tailândia e Vietname.

Depois de ter comprado o serviço Ásia-EUA da Hanjin, a SM Line tem previsto arrancar com o serviço a 21 de Abril com cinco navios.

Os cinco navios, com capacidades de 6 655 TEU, foram adquiridos pela SM Line no passado dia 14, por 60 milhões de dólares (56,8 milhões de euros), de acordo com dados da VesselsValue.

Os navios em causa são o Hanjin Bremerhaven, o Hanjin Budapest, o Hanjin Port Kelang, o Hanjin Tianjin e o Hanjin Xiamen. Foram todos construídos pelo estaleiro Hyundai Heavy Industries entre 2006 e 2007.

A SM Line tem planos de ter uma frota de 21 navios (com capacidade conjunta de 110 000 TEU) até 2018.

O grupo SM também tem planos para comprar participações nos terminais da Hanjin na Coreia do Sul. O grupo chegou, recentemente, a acordo com o tribunal de falências de Seul para comprar 100% do terminal de Gwangyang e 85,45% do terminal de Gyeongin. Os analistas prevêem que a SM poderá, além disso, comprar o terceiro terminal que pertencia à Hanjin em Busan.

 

 

Os comentários estão encerrados.