A SM Line, a nova companhia sul-coreana de transporte marítimo de contentores, está a estabelecer a frota a uma velocidade recorde e já é a 27.ª do mundo.

SM Line

Segundo a Alphaliner, no espaço de apenas quatro meses desde que foi fundada em 6 de Janeiro deste ano, a SM Line adquiriu 17 navios porta-contentores, 11 dos quais pertenciam à extinta Hanjin Shipping. Os negócios foram concluídos em um “tempo recorde”, afirmou a consultora.

Dos 11 navios ex-Hanjin Shipping da frota da SM Line, oito têm capacidade de 6 665 TEU e três são de 8 586 TEU.

Os restantes seis navios adquiridos pela nova companhia são dois de 5 367 TEU da grega Technomar Shipping, um Panamax de 4 253 TEU, dois de 1 600 TEU e um feeder de 1 118 TEU.

Além da frota própria, a SM Line tem actualmente alinhados na reda intra-asiática cinco navios em fretamento, com um raio de capacidades entre 704 e 1 550 TEU.

A SM Line tem planos de ter uma frota de 21 navios (com capacidade conjunta de 110 000 TEU) até 2018. A companhia, que faz parte do grupo de construção sul-coreano Samra Midas Group, também proprietário da Korea Line Corp, tem como meta chegar a número 20 mundial no transporte marítimo de contentores.

A Alphaliner coloca, no presente, a SM Line no 27.º lugar do seu ranking global, pronta para ultrapassar em breve nomes mais estabelecidos, como a Sinotrans e a TS Lines.

Por ora, as operações da SM Line concentram-se no trans-Pacífico e no intra-Ásia.

 

 

Comments are closed.