A SNCF Geodis acordou com a Comsa Emte a compra de 25% da Comsa Rail, parceira da Takargo na Ibercargo.

O negócio, que fica dependente da autorização da Concorrência, visa desenvolver o transporte ferroviário de mercadorias entre a Península Ibérica, França e o Centro da Europa. A operadora pública francesa passará a ter um representante no Conselho de Administração da Comsa Rail.

A parceria entre as duas companhias envolverá também a VIIA, que gere as auto-estradas ferroviárias da SNCF Geodis e que tratará de estudar a viabilidade de prolongar até território espanhol a ligação actualmente existente entre Bettembourg, no Luxemburgo, e Le Boulou, em Perpignan, do lado de lá dos Pirinéus.

A entrada da SNCF Geodis no capital da Comsa Rail marca o aprofundar de uma aproximação entre as duas companhias que já se traduziu na constituição da Ibereuropa Rail Logistics, detida em partes iguais pela operadora espanhola, pela Naviland Cargo (subsidiária da operadora gaulesa) e pelo grupo Sesé. Este projecto em particular visa o transporte de automóveis entre Portugal e Espanha e a Alemanha.

A Comsa Rail detém 50% da Ibercargo, uma joint-venture com a portuguesa Takargo criada para operar no mercado ibérico, tirando partido da frota de locomotivas interoperáveis.

Para a Takargo, o mercado além-Pirinéus não é uma prioridade, mas os novos accionistas da Comsa Rail poderão abrir janelas de oportunidades para o operador ferroviário da Mota-Engil.

Comments are closed.