A Svitzer, do grupo Maersk, ganhou a concessão do serviço de reboque no futuro terminal de contentores Tanger Med 2, em Marrocos, detida pela APM Terminals.

Tanger-Med II

O contrato é avaliado em “várias centenas de milhões de dólares”, de acordo com a companhia, e  implicará um total de nove navios até o final da concessão, de 20 anos.

A Svitzer já encomendou os primeiros quatro rebocadores aos estaleiros Sanmnar Shipyards, com entrega prevista para o Outono de 2018. O valor da encomenda não foi divulgado.

O novo terminal de transhipment de Tanger Med 2 tem abertura prevista para 2019, de acordo com os termos do contrato de concessão de 30 anos assinado entre a APM Terminals e a Agência Especial Tanger Mediterrâneo.

O projecto assumirá uma importância significativa para a nova divisão de transporte e logística da Maersk, na medida em que a Svitzer, a APM Terminals e a Maersk Line se propõem trabalhar em conjunto para aumentar a eficiência no local.

 

 

Os comentários estão encerrados.