O novo terminal do Barreiro será multiusos, para contentores, granéis sólidos e até automóveis, anunciou a ministra do Mar.

 

Falando na comissão parlamentar  de Economia, Inovação e Obras Públicas, Ana Paula Vitorino disse que o novo projecto do terminal do terá “uma nova configuração física e algumas alterações relativamente à sua operacionalidade”.

“Entre as alterações, quero destacar o facto de [deixar de] ser só de contentores e de passar a ser multiusos, tanto para contentores, como para granéis sólidos e até para automóveis”, precisou.

A nova solução, que resulta de reuniões tidas entre as partes envolvidas, implica também uma nova localização, que “não é mais do que deslocar um pouco para montante o terminal e ter uma ligeira rotação para não ser impactante na área nova e urbana do Barreiro”, referiu Ana Paula Vitorino.

Nas palavras da ministra, o novo projecto representa uma “melhoria numa estrutura que é suposto durar 100 anos”.

O próximo passo será a avaliação de impacto ambiental. “Aquilo que se estima é que até ao Verão se possa reiniciar a avaliação de impacto ambiental, isto é, submeter novamente à APA [Agência Portuguesa do Ambiente] o novo projecto”, disse a ministra.

Este artigo tem1 comentário

  1. luís pereira

    O DELÍRIO DA MINISTRA DO MAR CONTINUA RS, não faz a mínima ideia do que quer e menos do que pensa para Lisboa no que a transportes e portos diz respeito, muda a localização e agora muda o tipo de terminal, pior só o ministro jamais no tempo do falso engº José Sócrates quando Ana Paula era sec estado, demita-se já, para parar dar prejuízo à economia de Portugal !!