O porto de Sines movimentou em Janeiro 66 359 TEU, marca que constitui um novo recorde nacional absoluto, superando o anterior máximo de 65 938 TEU, que era de Leixões e datava do ano passado.

Em Janeiro, o Terminal XXI, agora já com seis pórticos super post-panamax operacionais, cresceu 38% em termos homólogos, entre uma subida de 40% nas cargas e um aumento de 35% nas descargas, anunciou a administração portuária.

Com este resultado, a PSA Sines, concessionária do Terminal XXI, reforça a aposta em tornar-se, já este ano, o maior operador de terminais de contentores nacional.

Em termos gerais, o porto de Sines movimentou 2,7 milhões de toneladas, o que representou também um crescimento de cerca de 2,5% face ao verificado em Janeiro do ano passado.

No primeiro mês do ano, Sines recebeu 143 navios (mais 16% em termos homólogos), também um recorde, com um porte bruto total de mais de 4,5 milhões de toneladas (mais 19% e um recorde).

Note-se que no ano passado atingiu um recorde de movimentação de cargas e reforçou o seu peso específico no contexto portuário nacional.

Os comentários estão encerrados.