A Thalys e a Eurostar propõem-se criar um grande operador europeu de Alta Velocidade, uma alternativa sustentável ao transporte aéreo e rodoviário.

Thalys e Eurostar querem criar operador de Alta Velocidade

A Thalys e a Eurostar apresentaram ​​às respectivas assembleias de accionistas o projecto conjunto Green Speed, de um operador europeu de Alta Velocidade.

O objectivo dos parceiros é, em 2030, transportarem quase 30 milhões de passageiros anualmente através do Green Speed. Os serviços ligariam o Reino Unido ao Mediterrâneo, o Mar do Norte ao Atlântico e o Benelux aos Alpes, de acordo com os parceiros.

No presente, Thalys e Eurostar operam em França, Reino Unido, Bélgica, Holanda e Alemanha. Ambas as companhias realizam 112 serviços diários que transportam mais de 18,5 mil milhões de passageiros por ano.

Comments are closed.