A Carnival Australia realizou a primeira visita de um navio de cruzeiros a Timor-Leste. O “Pacific Jewel”, da P&O Cruises, aportou em Díli no passado sábado, numa escala que também serviu para testar a capacidade do porto para receber cruzeiros.

carnival-dream-rendering11

A bordo do navio estavam cerca de 2 000 turistas de vários países, na sua maioria australianos. Na visita, que durou oito horas, puderam, segundo o governo de Timor-Leste, observar “lugares turísticos de Díli, bem como algumas áreas dos municípios de Ermera e de Liquiçá”.

Ann Sherry, CEO da Carnival, e Steve Bracks, conselheiro do primeiro-ministro timorense, vêem a escala do “Pacific Jewel” como um grande avanço para aquele país lusófono. “Após anos de luta, Timor-Leste conseguiu finalmente a independência em 2002, mas até há apenas cinco anos poucos imaginariam quase 2 000 turistas de cruzeiro chegarem a Díli”, referiu, citada em comunicado, Ann Sherry.

“A visita do ‘Pacific Jewel’ a Díli era ansiada pelo governo e pela comunidade local, que esperam tornar o turismo num elemento importante da economia de um país que tem muito para oferecer aos visitantes em termos de experiências culturais”, afirmou Steve Bracks.

Está prevista uma segunda escala da P&O Cruises em Timor-Leste para Setembro de 2016, com o navio “Pacific Eden”.

 

 

Os comentários estão encerrados.