Os operadores de transporte marítimo de contentores deverão voltar a perder dinheiro no segundo trimestre, apesar da melhoria das margens operacionais, prevê a Alphaliner.

A crise na Europa e a fraca performance das exportações da R.P. China estão a prejudicar os aumentos de tarifas que os operadores se propunham implementar em Maio e Junho, e daí que as perdas sejam inevitáveis, antecipam aqueles analistas.

Mas nem tudo será mau. Uma mais correcta utilização da capacidade e a subida do preço médio dos transportes, combinadas com uma quebra de cerca de 5% no preço do combustível, deverão permitir uma melhoria das margens operacionais, acrescentam.

No primeiro trimestre, os 18 dos maiores players do sector que publicaram os seus resultados acusaram margens operacionais médias de -12%, pior do que os -10% verificados no último trimestre de 2011.

Foram os piores resultados do sector desde a crise de 2009.

E o resultado seria ainda mais negro, sublinha a Alphaliner, se se levasse em conta a performance da MISC Berhad, que atingiu uma margem operacional de -odu153% entre Janeiro e Março. Mas a MISC está de saída do mercado.

Entre os outros operadores, as margens situaram-se entre os -2% e os -25%, acrescenta a consultora francesa na sua newsletter semanal.

 

Comments are closed.