O grupo alemão TUI acordou vender 50% da Hapag-Lloyd Cruises à norte-americana Royal Caribbean. O negócio está avaliado em 1,2 mil milhões de euros.

Hapag-Lloyd Cruises integrada na TUI Cruises

A antiga subsidiária do TUI Group será, de acordo com o comunicado conjunto, integrada na joint-ventures TUI Cruises, criada pela TUI e pela Royal Caribbean em 2008, sendo, de acordo com as partes uma “estrutura de sucesso”. Como previsto pelo acordo de participação nos lucros da joint-venture, a TUI reportará 50% dos ganhos da venda da Hapag-Lloyd Cruises.

A fusão da TUI Cruises e da Hapag-Lloyd Cruises sob a égide da joint-venture tem como objectivo criar uma companhia de cruzeiros líder na Europa, com uma frota combinada de 12 navios. Especificamente, a TUI Cruises continuará a atender o segmento premium de língua alemã e a Hapag-Lloyd Cruises continuará a ter uma presença exclusiva no segmento de navios de luxo e expedição.

“A identidade, serviço, qualidade e experiência ao cliente nos navios permanecerão tão individuais e únicas como são hoje. Isso criará vantagens significativas para o grupo, para a nossa expansão e para os nossos investimentos”, afirmou o CEO da TUI, Fritz Joussen.

 

Comments are closed.