A United Arab Shipping Company (UASC) é apontada como estando na linha da frente para comprar a Neptune Orient Lines (NOL).

NOL

A NOL perdeu mil milhões de dólares (913 milhões de euros) só nos últimos quatro anos, pelo que o fundo soberano de Singapura Temasek estará disposto a vendê-la por 2 mil milhões de dólares (1,83 mil milhões de euros). Um preço abaixo do valor de mercado, mas que é justificado pela urgência na alienação.

A NOL tem uma frota moderna e uma quota de 2,8% do mercado mundial do transporte marítimo de contentores.

De acordo com analistas do sector, a UASC poderá posicionar-se para a compra da NOL como forma de acelerar o seu crescimento e de ganhar peso no contexto das mega-alianças.

Mas caso a venda da NOL avance mesmo (o que também não é ainda certo), a UASC poderá ter a concorrência de competidores de peso, casos das alemãs Hapag-Lloyd e Hamburg Sud.

Tags:

Comments are closed.