A Uber anunciou hoje a compra da Careem Networks, uma concorrente do Médio Oriente, num negócio de 3,1 mil milhões de dólares (2,7 mil milhões de euros).

Em vésperas de ir para a Bolsa (o que deverá acontecer em Abril), a Uber anunciou a sua maior compra de sempre, a Careem Networks, com sede no Dubai e presença em 15 países.

O valor da compra será pago em dinheiro (1,4 mil milhões de dólares) e em títulos convertíveis (1,7 mil milhões de dólares). A Careem tornar-se-á uma subsidiária integral da Uber, mas continuará a operar com a sua marca e a ser liderada pelos seus fundadores originais.

A Careem foi lançada em 2012, três anos da Uber. Está está entre as startups mais bem-sucedidas do Médio Oriente, destacando-se as suas operações em países como o Egipto e o Paquistão, em parte porque introduziu a opção para os passageiros pagarem em dinheiro, em vez de apenas com cartão de crédito.

O negócio deverá ficar concluído no primeiro trimestre de 2020, obtidas que sejam todas as autorizações nacionais.

 

Tags:

Comments are closed.