A Comissão Europeia decidiu atribuir 161,3 milhões de euros a 26 projectos relacionados com a implementação da Rede Transeuropeia de Transportes. Portugal é um dos contemplados.

Na chamada de 2011 foram recebidas 47 candidaturas elegíveis. Foram seleccionadas 26, promovidas por 21 estados-membros, individual ou colectivamente.

Os 15 projectos seleccionados relacionados com a implementação do ERTMS receberão 103,3 milhões de euros. Os sete projectos relacionados com as Auto-Estradas do Mar receberão 47,8 milhões. E os quatro projectos eleitos no campo dos sistemas de informação fluvial receberão 10,2 milhões de euros.

Portugal está envolvido em dois dos projectos eleitos: o Train-MoS e o Costa. O primeiro visa criar uma plataforma de e-learning para a formação sobre as Auto-Estradas do Mar. O segundo propõe-se criar as bases para o estabelecimento de uma rede de abastecimento de GNL para servir o short sea europeu e o tráfego deep sea no Atlântico Norte.

No projecto Train-MoS, Portugal está representado pela Universidade Nova de Lisboa. No projecto Costa participam o IPTM, os Portos dos Açores e os Portos da Madeira.

Comments are closed.