A francesa Veolia propõe-se transportar 300 mil toneladas de resíduos, por via fluvial, nos próximos cinco anos, em França.

 

Um acordo nesse sentido foi assinado com a VNF (Voies Navigables de France). O objectivo pressupõe aumentar em 50% o tráfego fluvial de resíduos da Verolia. A meta corresponde, ainda assim, a 0,0004% do total de resíduos produzidos no presente em França.

Para atingir aquele objectivo, a empresa propõe-se criar cinco novas linhas fluviais de transporte de resíduos até 2020, que se juntarão às ligações já existentes nos eixos Rouen-Paris e do Ródano.

Para optimizar a operação, a Veolia pretende garantir cargas de retorno. A empresa poderá carregar REEE (resíduos de equipamentos electrónicos) provenientes dos departamentos de Eure e Seine-Maritime com destino aos centros de reciclagem da Ilha de França. No regresso, as embarcações poderão carregar papel e resíduos de mobiliário profissional, que são valorizados em Rouen.

 

 

Comments are closed.