A World Flight Services (WFS) e a Fraport, gestora do aeroporto de Frankfurt, acordaram uma parceria estratégica na Fraport Cargo Services (FCS), companhia de handling do aeroporto germânico.

Fraport - Frankfurt

O negócio, do qual não foram revelados muitos detalhes, a começar pelo valor envolvido, deverá ficar concluído em Setembro próximo. A WFS, a maior companhia mundial de handling, ficará com 51% da FCS, mantendo-se os restantes 49% sob controlo da gestora aeroportuária germânica.

A operação faz parte da estratégia de investimento da WFS nos maiores mercados de carga na Europa, após ter sido adquirida pela capital de risco Platinum Equity.

“Não poderíamos pedir um parceiro mais forte do que a Fraport, com quem partilhamos a paixão pela qualidade e pela performance e que, de igual modo, demonstra empenho com o sector da carga há mais de 40 anos”, afirma, citado pela assessoria de imprensa, o CEO da WFS, Olivier Bijaoui.

“Para continuarmos a desenvolver o nosso negócio com sucesso, foi nosso desejo encontrarmos um parceiro forte e competente com uma forte rede de contactos internacional”, refere, por seu turno, Stefan Schulte, presidente da comissão executiva da Fraport.

“Estamos, por isso, satisfeitos por anunciar esta nova parceria estratégica com um parceiro de nomeada internacional como a WFS, para ganhar uma ainda maior base de ligações para desenvolver a FCS com sucesso no futuro”, acrescentou.

Fundada em 1971, a Fraport emprega 600 trabalhadores no aeroporto de Frankfurt, o maior centro de carga aérea da Europa. O tráfego de mercadorias em Frankfurt cresceu 1,8% em 2014, para 2,1 milhões de toneladas.

A WFS é a maior companhia de handling aeroportuário do mundo. Empresa 14 mil trabalhadores em 145 aeroportos de 12 países nos cinco continentes. No ano passado assistiu 50 milhões de passageiros e processou quatro milhões de toneladas, para cerca de 300 companhias.

Tags:

Comments are closed.