O porto de Xangai iniciou ontem os testes no novo terminal de contentores de águas profundas de Yangshan, que se apresenta como o maior terminal de contentores automatizado do mundo.

Com uma frente de cais de 2 350 metros, capaz de receber os maiores navios porta-contentores da actualidade, e ocupando uma área de 223 hectares, o novo terminal arranca com uma capacidade de movimentação anual de quatro milhões de TEU, que deverá subir para os 6,3 milhões de TEU quando todo o complexo estiver terminado, o que se projecta para 2020.

O terminal é completamente automatizado, com equipamentos e tecnologia desenvolvidos e construídos na China.

O arranque das operações do novo terminal vem aliviar a pressão sobre o porto de Xangai, que actualmente tem praticamente todos os terminais a operar no limite, ou mesmo para lá da capacidade teórica.

Os responsáveis do porto chinês sustentam que além dos ganho de capacidade, o terminal automatizado permitirá uma redução de 10% das emissões de carbono.

 

Comments are closed.